Print Friendly, PDF & Email

Então, imolaram o cordeiro da Páscoa no décimo quarto dia do segundo mês. Os sacerdotes e os levitas, envergonhados, consagraram-se e trouxeram holocaustos à casa de Yahweh, o Senhor. Em seguida, assumiram seus postos no serviço religioso…2 Crônicas 30.15-16

Quem é que depois de algum tempo, não se sentiu desmotivado? A Bíblia conta de um rei chamado Ezequias que restabeleceu o culto a Deus e o serviço religioso que estava inativo. Assim que tomou essa atitude, ele e todo o povo regozijavam-se com o que Deus havia feito por toda a nação, e tudo em pouco tempo.

Passados esses acontecimentos, Ezequias ordenou que mensageiros fossem por todo o Israel e Judá; convocando-os a comparecer à casa do Senhor, em Jerusalém, para celebrarem juntos a Páscoa, em honra ao Senhor Deus de Israel. Em Judá, a mão de Deus esteve sobre o povo, concedendo-lhes senso de unidade de pensamento para executarem a ordem, de acordo com a Palavra do Senhor. Os líderes estavam desmotivados, porém quando viram a multidão animada, voltaram aos seus postos.

O fervor da fé popular motivou os ministros a entrarem em ação. Quando a fé do povo é fervorosa, os ministros se motivam e as autoridades acertam mais. O comodismo contagia. Muitos dizem, é assim mesmo, Deus sabe de todas as coisas. Não tomam atitude no seu papel de marido ou esposa, de líder do lar, de cidadão cristão, de pais, de obreiro (a) etc. De repente Deus faz uma mobilização popular, levanta algum líder segundo Seu coração, o ânimo toma conta das pessoas. Cada um é despertado a continuar na batalha olhando para Jesus, Autor e Consumador da fé.

O povo de Judá ouviu a ordem do rei Ezequias e assim todos foram animados; voltaram a servir ao Senhor, Deus de Israel, com a alegria.

por Vanderlei do Couto, Pastor

Quando a fé do povo é fervorosa, suas orações chegam aos céus e a alegria é geral. 2 Crônicas 30.27

Fonte: Devocionário O Brasil Para Cristo (www.editoraobpc.com.br)